terça-feira, setembro 30

Como se diz : "Saudade" em Francês?



Hoje as coisas não deram lá muito certo...
O cadastro na verdade era uma grande cilada
ENOOOOOOORME... Jamais terminaremos antes da viagem
Sendo assim, ainda não teremos a grana para viajar
Nossa última esperança é recebermos o cheque do cadastro anterior.
Porra, já tem quase um Mês esse. Falta de respeito é pouco. PAGUEM O Q NOS DEVEM!
Enfim, deixa pra lá

Ao menos arrumamos a casa de Beca Hj.Tomara que a Vovó judia dela não perceba nada.
(Usamos o quarto dela como uma das locações. A mais bonita por sinal...)
Se bem que eu acho difícil ela não notar nada anormal.
Marcelo no seu jeito mais sutil de sempre, meteu umas fitas adesivas no teto.
A idéia era segurar uma lâmpada que com o girar do ventilador criasse um efeito bacana. Resultado? efeito bacana conseguido e uma parte do teto toda descascada na retirada da fita.
Como se a desgraça não fosse pouca, a parte descascada/arrombada
fica bem a cima da cabeceira da cama da coroa... fecho os olhos e imagino a cena :
Ela volta cansada de viagem, toma uma ducha, põe uma camisola e deita, qdo mira pra cima...

VóVó Judia : REBECA GORENDEEEEEEEER!!!!!!!!!!

Coitada...

Eu já tinha lhes falado que a família de Rebeca é judia?
Pois é. Ela mora na Barra numa casa super bacana que o Avô deixou de herança. O Avô dela
era um jornalista "super picudo". Fico lhes devendo o nome e o pq de ele ser picudo.
Prometo pesquisar.
Mas voltando ao assunto judeus, hj lá na casa de Beca, apareceu um camarada rabino.
Rapaz, eu todo mulambo, largado no chão da sala do computador, brincando com a gatinha
e Beca me manda essa sem eu ter tempo nem de respirar :

Beca :Se ajeite que vc vai conhecer um Rabino...

Vc não pensaria que é sacanagem? Eu pensei! Me fudi!
Era um rabino mermo véi, daqueles ortodoxos de barbona, falando em Hebraico, com um
Mini-berrante na mão (Shofar). Ele parecia aquele cantor doido, o Matisyahu, só que muito mais sério. Tipo um "Darth Matisyahu". Junto com ele tinha um cara que parecia um coroinha, mas eu acho que os judeus não tem coroinhas...Será? Porra, não entendo nada de Judeus!

Sim, daí ele ficou falando lá com Rebeca naquela lingua de jesus, nessa altura do campeonato eu já tinha fechado uns botões da camisa, ficado sério e era capaz até de me converter se ele assim quisesse. Digo, até me converteria antes...Nos minutos que precederam ele usar o Mini-Berrante(Shofar)...Depois daquilo eu broxei.

Foi assim, ele conversou com Beca na lingua de Jesus, propondo que ela fizesse uma oração, mas ela não lembrava. (ela contou isso depois, na nossa lingua de retirantes mesmo)
Depois, começou a tocar aquilo, eu já esperava um som divino harmonioso.
Rapaz, juro que parecia um galo com torcicolo. Eu via a hora dos vizinhos meterem pedras e ovo. O "broder" se bufava todo para tocar aquelas duas notas num tom altíssimo. Olha pessoal, nada contra as manifestações étnico religiosas. Respeito muito mesmo. Só queria relatar na verdade esse choque cultural. Fiquei mesmo paralisado diante daquilo.

Qdo eles saíram (O Darth Matisyahu e seu coroinha, que não deve ser coroinha claro)
Beca nos contou que ele faz isso direto. Vai na casa de todos os Judeus da Barra.
Louvável, pensei eu. Esse povo sofreu demais, é bonita e legítima a tentativa dele de juntar aqueles q estão por perto. fortificar estes laços. Eu achei massa!

A noite o pessoal seguiu para o TCA. Era o lançamento do festival de cinema da sala de artes.
Sinceramente, esses eventos não fazem muito minha cara. Nunca curti isso de "mitiê" ou encontro da "classe". Acho a pior forma de começar qquer coisa. Já era reticente qdo fazia teatro Agora então que começo a me aventurar em cinema. Muita babação pro meu gosto.
Prefiro reunião entre amigos e comentar sobre preferências. Do que virar crítico disso e daquilo
Não sejemos Cult's! Eu imploro...

LICENÇA PARA DESPEDIDAS!!!!!

Minha cunhada Su-Su [ Foto ] está voltando para a França e só retorna pra cá ano que vem.
Bo jornada Su-Su. Esperaremos saudosos!!!!

Um comentário:

Su disse...

Saudade... Só o português pra ter uma palavra tão linda!
Acho que vou me encarnar saudade esses próximos meses...
Mas enfim... Vou e volto né!
Obrigada por tudo. E pode ir lá no meu blog dar uma olhadinha de vez em quando. Será a vida de uma estrangeira no seu próprio país!
Very estranho!!!
Beijos seu doido!!!! =D